Espaço-tempo-urbano

Existe um conjunto de cidadãos que exercem cargos públicos.  Com cargos hierárquicos diferentes entre si. Entretanto, cidadãos, que usam os espaços públicos, nos seus deslocamentos diários.

O conteúdo da mensagem é uma comunicação para todos os cidadãos do Brasil, mas com extensão e inclusão de todos os demais países membros da O.N.U. (U.N).

A maior eficácia é através da rede de relacionamento dos cidadãos; incluindo os que exercem Cargos Públicos, Somada com a Mídia.

Informando para Toda a Sociedade Brasileira, Civil,Militar e Religiosa.

Sobre uma mobilização nacional, nos conscientizarmos que nós somos, todos nós, membros da seleção nacional de fluidez urbana, Seleção Brasileira de Fluidez Urbana.

Uma unidade, cidadãos e autoridades, enquanto usuários do Espaço Público.

Os Cidadãos usam Estradas Federais, Estaduais, Municipais, Vias Públicas Urbanas e Rurais.Participam de Eventos  nos Espaços Públicos, Cívicos, Datas e Festas Comemorativas, Entretenimento  e Lazer, e o de Trabalho.Nos Estádios, nas Torcidas Organizadas, e nas Instituições Espirituais.

os endereços são publicações que trazem um conteúdo que fazem parte da exposição complementares:

tai chi yang no transito  http://taichiyangtransito.wordpress.com

Seleção Nacional de Fluidez Urbana http://fluxos.wordpress.com/sobre

 Holograma Estádio

http://hologramataxi.blogspot.com/2007/10/holograma-estdio.html>

Holograma Torcidas Organizadas

http://hologramataxi.blogspot.com/2007/10/holograma-torcidas-organizadas.html

Holograma Espiríto Espiritual

http://hologramataxi.blogspot.com/2007/11/holograma-esprito.html>

Espalhamento no Espaço-tempo -urbano

Memórias

O Espaço-tempo-urbano é semelhante ao Espaço-tempo-tai chi.

Dependem da fluidez.

14setembro.jpgEm todas as escalas, a menor e a maior escala da matéria do universo, em qualquer divisão da matéria a fluidez é a essência.Macro, micro, Planck e nano a fluidez ´continua sendo a essência de todo o tecido cósmico.

A expansão e o recolhimento é a dinâmica do yin e do yang. Cada qual contendo em si o potencial de expansão de seu oposto complementar compactado.

No gráfico a área escura, dentro contém um círculo claro, uma área menor representando o recolhimento. A expansão do claro implica no recolhimento da área escura.

A dinâmica se sucede, na expansão do yin ocorre o recolhimento do yang, e vice e versa.

slide17.jpg

Espaço-tempo-tai chi, a duração da série de movimentos, com espaço entre os praticantes, que são uma unidade de meditação. O tai chi chuan yang cheng fu é a arte de meditar em movimento.

Espaço-tempo-urbano requer uma previsão maior por causa da diversidade. As variedades de situações são em maior número do que ocorre nos exercícios práticos da série de tai chi chuan yang cheng fu.No trânsito os motoristas se deparam com novas situações. Cada nova situação existe uma adaptação que deverá ser feita considerando os outros. No espaço-tempo-tai chi o grupo tem a experiência assegurada pelo padrão de distância, a sincronia dos praticantes é mais natural quando todos estão atentos em si e ao mesmo tempo no grupo, o espaço possibilita o relaxamento, que induz uma ação mais espontânea.

O tempo  se dilata quando o índividuo e o grupo em estado de atenção focada na ação expandem a intuição com base na experiência da presença íntegra no ambiente e na série de movimentos. 

Aplicar no espaço público, no deslocamento os motoristas estando preparados para ceder a vez em prol de uma fluidez. O automóvel em transito numa via de três pistas, na faixa central, leva em consideração a possibilidade das faixas da direita e da esquerda serem bloqueadas por causa diversa, desembarque de passageiros, ponto de ônibus, caminhões de entrega, vans, kombis, desvios ocasionados por obras.aplicando a teoria da permissividade, a gentileza de ceder a pasagem reduzindo a velocidade, estabilizando calculando para que, um ou mais veículos ,possam desviar do ponto de obstrução. Sem que para isso seja necessário frear a própria velocidade ao ceder a vez. Dependendo do fluxo, até mesmo parar, se a velocidade de fluxo lento, entre 20Km/h e 40Km/h. Com espaço de segurança entre os autos, qualquer  situação abrupta, uma obstrução devido a um sinistro ou, qualquer outra causa.

O sinal fechado, vermelho, não sigifica que aguardando o sinal abrir, verde, estejamos parados. Na realidade estamos em pleno fluxo. A distância de segurança é o caminho da tranüilidade que permite aplicar a meditação enquanto estamos em fluxo de transito.

Na abertura do sinal, a saída simultânea é possível devido a distância de segurança, que se mantém com o aumento da velocidade de 50Km/h, pista seca, e 40 Km/h, pista molhada. Após, acrescentando mais velocidade, a distância de segurança altera para o tamanho de uma vaga de estacionamento com espaço de manobra na frente e atrás do veículo estacionado. Na medida que aumenta a aceleração o espaço de segurança atinge uma distância de três autos de passeio perfilados. 

O praticante de tai chi chuan yang cheng fu, no grupo observa os pontos cardeais e colaterais, descrevendo  um círculo entorno do espaço do seu movimento corporal. Importante para o sistema nervoso central processe as informações de maneira otimizada.

No tráfego urbano se verifica o mesmo. O motorista medita usando a busca na manutenção da distância. Funciona como mantra, um padrão referencial que proporciona o estado mental de meditação semelhante quando se medita parado ou em movimento. O tai chi chuan é um método especializado no sistema nervoso central aperfeiçoando para percepções das experiências sensoriais decorrentes do encontro e manutenção do estado de atenção natural na ação.  

Acompanhando o aumento de velocidade com abertura do sinal, os espelhos retrovisores do veículo no ângulo de 90º, apresenta uma ampla visibilidade das faixas laterais, a faixa da direita e a faixa da esquerda, estando o automóvel na faixa central numa via de três faixas. Na prática da meditação em movimento do tai chi chuan, o praticante centrado no eixo do seu movimento, o eixo da força da gravidade, no plano de simetria, dividindo o lado esquerdo e direito tem uma visão periférica melhor.

Os movimentos realizados na sua frente, nas laterias direita, e esquerda são melhor observados.Praticando o tai chi no transito o retrovisor interior central do automóvel, o plano de simetria que divide o lado do motorista e o lado do carona.

 A linha central divide o automóvel no meio, lado direito e esquerdo, o plano de simetria é a referência para a posição do retovisor voltado para o lado do carona. A visibilidade da metade da faixa da sua posição de deslocamento, na faixa central, terá uma visão maior da faixa direita. 

A distância do tamanho de três carros, em relação ao carro da frente e o carro atrás, também com a mesma distância. Os três com visibilidade favorecida pelos espaços abertos podem melhor aplicar a teoria da permissividade. Um outro carro que necessite fazer transposição de faixa, de uma faixa para outra faixa,. Encontra possibilidade de melhor qualidade na mannobra.

A manutenção da segurança é mantida pelos três carros. a seta ligada do carro que executa a transposição indica que uma pequena redução de velocidade agiliza a amanobra do carro que está transpondo, realizando a transposição. Ambos, executam um cálculo de espaço-tempo de ação da manobra.

Na prática do tai chi chuan a manobra entre os praticantes, os movimentos são observados com facilidade por todos  do grupo participante. Durante uma transposição de faixa, todos que estejam no entorno acompanham a manobra sem perder a conexão com o fluxo. Isso é uma meditação individual e coletiva. O entorno da manobra, é semelhante ao grupo de tai chi chuan, os movimentos são em harmonia e sincronia. Existindo ou não uma manobra de transposição de faixa sendo realizada, na preservação da harmonia do deslocamento. 

O sinal fechado, os carros aguardando com os pára-choques próximos, impede possibilidades de manobras. Provoca ansiedade. Resultando numa competição, fechar as possibilidades.

O conflito se verifica tanto na ação de bloquear como também nos outros que ficaram com as possibilidades bloqueadas. O bloqueador gasta energia psíquica-nervosa na atenção da manutenção do bloqueio. E aquele que é bloqueado, gasta na tensão por encontrar possibilidade de ação. Gera como consequência uma onda de ação e reação, na ação de impedir qualquer possibilidade.

Os congestionamentos são maiores em problemas devido ao padrão de dirigir com agilidade para não dar a chance de um outro carro entrar na frente. Fechando a possibilidade de ação, com o objetivo de favorecer apenas, o próprio deslocamento e, não ao fluxo harmonioso.

Mesmo no momento que esteja lento quase parando, guardando uma estética de segurança  tranqüilidade, atenção natural participativa e não bloqueando a possibilidade de ação. Por outro lado, gera uma ação de harmonia, onda de ação e reação, que possibilita dilatar o espaço-tempo-urbano.

A qualidade do deslocamento favorece todos os setores produtivos da sociedade. Os serviços agilizam dentro de um espaço-tempo-urbano incidindo na produtividade do indivíduo e da coletividade. Bloqueando a tensão nervosa por mantê-la é maior do que na ação de não fechar a possibilidade de um outro carro entrar na frente, até mesmo com o transito parado o espaço de segurança e possibilidade de manobra é mantido. Assim o motorista gasta menos energia psíquica nervosa e faz uso da energia psíquica-nervosa-etérea, otimizando o sistema nervoso para percepções advindas do espírito. Porque, a mente têm maior chance de aproximar do estado de meditação; Apesar de todos os estímulos externos, a concentração interna é assegurada pela busca da manutenção do espaço de segurança.

Ao contrário, o menor espaço de segurança que corresponde aproximar o pára-choque dianteiro do pára-choque traseiro do carro da frente. Diminui a qualidade de calculo do espaço-tempo nos cruzamentos.

O carro para não perder a vez no sinal que está aberto, porém, o transito parado, aproxima do veículo da frente, e bloqueia o fluxo transversal. A ação e reação traz a consequência de uma competição por bloqueio do outro, impedir para melhor se conduzir em marcha. Ainda que, fechando o cruzamento com objetivo de não perder o tempo do sinal aberto. Porque outros fizeram o mesmo, bloquearam a sua passagem alguns instantes atrás, em um outro cruzamento. Reduzindo o tempo de deslocamento.

No cruzamento seguinte a reação será de fazer o mesmo, uma vez que, existe a competição por impedir um outro carro de entrar na frente. Quando na passagem de um cruzamento o espaço de passagem é estreita para um carro por vez o espaço-tempo-urbano como um todo é prejudicado.  se deveria ser entre  30Km/h e 50Km/h é reduzida, para 10 Km/h ou 20 km/h. Um carro por vez. Se meditar em manter a mesma distância. Podemos experimentar o repouso dentro do movimento. Os estímulos sensoriais são de alto padrão de qualidade decorrente da experiência que os praticantes obtém. Desfrutam do deslocamento. No trânsito lento em fluxo, no congestionamento, os momentos de retensões, são parte do movimento somado de todos que estão em movimento nas vias preferenciais e transversais. A dinâmica da atenção traz uma nova maneira de estarmos presentes nas situações urbanas em que existe uma coerência de unidade de ação. Tal que permita no cruzamento, aguardar na linha que antecede a faixa de pedestres. O sinal está aberto o carro da frente está no limite crítico. Um outro carro atrás obstruirá a passagem. Coompreendemos que apesar do sinal aberto, estamos aguardando que o carro que está no limite, se desloque  pelo menos, o espaço que comporte um outro carro sem obstruir a passagem. 

O procedimento de toda a fila  é chegar na linha executar cálculo de espaço tempo de manobra de avanço em harmonia com a velocidade de fluxo. se a velocidade de deslocamento é muito lenta, para a manutenção da harmonia, segurança e saúde no deslocamento. Aguardamos. todos meditando, oque nada mais é do que atenção focada conscientemente na preservação da fluidez. Assim, como fazem os praticantes do tai chi chuan quando realizam a prática dos movimentos físicos.Obtemos qualidade diária de uma maneira agradável e participativa. O dia-a-dia se torna um atrativo para exercitar o aperfeiçoamento dos sentidos para a harmonia. A paciência é necessária para praticar os exercícios do tai chi chuan yang no transito. É a fonte da energia da tolerância. Aplicada como recurso para obtenção dos benefícios que nos motivará aguardar para não fechar o cruzamento. Uma participação de todos. Uma inclusão de todos na ação. Envolve cálculo de espaço-tempo, entrosamento entre os cidadãos, desconhecidos entre si no coletivo, porém como membros de uma seleção esportiva que atuam em equipe.

No código nacional de transito a recomendação de que: “o homem é o principal membro da engrenagem que conhecemos por trânsito. Além dele, existem o veículo e a via. Mas, para que tudo corra bem na viagem do motorista, é necessário que ele aja com prudência, logo, deve agir e pensar atentando para as normas de trânsito e para seu estado físico e emocional. isso evitará que cometa faltas por imprudência, negligência ou imperícia. imprudência ocorre quando o condutor deixa de respeitar qualquer procedimento ou técnica que lhe ofereça segurança”.

Então, o tai chi yang  no transito, aumenta a chance de maneira natural de conciliar normas de trãnsito com a consciência de ser membro de uma seleção que se vale de um mesmo código de trânsito com espaço de segurança, capaz de possibilitar a teoria da permissividade.

O que não é dificíl para nós, por sermos todos os seres humanos, assim constituídos de um mesmo tecido original cósmico que depende de fluidez. a característica humana é a mesma são inteligentes e sensíveis.

Chico Buarque de Holanda pode não jogar  futebol como Romário, Ronaldinho, o fenômeno, Ronaldinho, gaúcho, ou KaKá. Mas, experimenta a mesma intensidade de energia psíquica nervosa experimentada por todos do time, que fazem um boa jogada até a conclusão, bola na rede. Os jogadores podem não fazer poesia como o  Chico Buarque, mas são poetas do futebol, o estado de arte que experimentam nas boas jogadas que têm fluidez estimula os sentidos para a poesia, a músicae e a harmonia. a experiência sensorial aproxima pelos sentidos estimulados proporcionando  uma qualidade de recepção musical experimentando a mesma intensidade  de energia psíquica nervosa do poeta.

A consciência como membros de uma mesma seleção brasileira de fluidez urbana, e cada país, uma seleção nacional. Somada seleção com o código nacional de trânsito. Obteremos qualidade e harmonia nos deslocamentos públicos. Diminuindo o uso de sons de buzina para estimular a marcha do trânsito. substituindo pela busca de aperfeiçoar a auto performance na aplicação da teoria da permissividade.

John Lenon, nas entrelinhas da música imagine, está que no espaço público todas as religiões são uma que se torna sem religião, a tolerância na prática sem a competição entre elas. Porque no espaço público em prol da harmonia e da paz pública, colaboramos como membros de uma seleção que é somada a todas as demais seleções, os demais países. Elas se fundem numa unidade de coerência de ação pública em detrimento da manutenção da harmonia. Na canção, na mensagem compactada de poesia, filosofia oriental, filosofia ocidental, e visão de futuro, exprime não religião porém abrindo o conteúdo da mensagem encontra a idéia de uma consciência universal tolerante entre si que não mais importa qual seja de fato a sua religião, somos uma unidade. então pela teoria da relatividade se conscientizados de sermos todos membros de uma mesma seleção nacional de fluidez urbana, não importa qual seja a religião do cidadão, no espaço público é membro atuante da seleção que preserva a harmonia e fluidez pública praticando a arte de meditar em movimento, o tai chi yang no transito.

A sociedade integrada numa unidade de ação. A seleção nacional de fluidez urbana é a soma de um sistema de não-competitividade com um outro sistema de competitividade. No mercado de trabalho, no comércio o sistema de competitividade. No espaço público a preservação da fluidez o sistema de não-competitividade.

A mobilização nacional e internacional de tal promoção de consciência como membros da seleção. Constituí um argumento capaz de sensibilizar alguns líderes terroristas. Porque existe alguns líderes que no momento de reflexão, já estão começando observar que, os atos terroristas acrescentam muito pouco para os mais necessitados, porque os excluí. e as causas porque lutam ,não lhes oferece oportunidade de relacionamento social que evoluí muito rápido. Anda mais com uma conscientização mundial de ação como membros de uma seleção. Osama Bin Laden e outros líderes terroristas não os subestimem, são também sensíveis a poesia, porque o Alcorão é uma poesia recebida de Deus pelo Profeta Maomé. É certo que conhecem  a beleza poética dos ensinamentos. No silêncio de seus pensamentos examinam os resultados de suas ações. É o momento oportuno de fornecer a informação  que será acrescida em suas análises. A inteligência que beneficia alterando a situação mundial através de idéias. É o caminho de menor gasto de energia para os ideais, que no entender dos líderes terroristas, mudariam o mundo. Pois Osama Bin Laden também possui a sensibilidade dos sentidos para harmonia. mesmo que para atingi-la consuma a sua própria vida restringindo se do crescimento através da liberdade de relacionamento social, até mesmo entre os seus amigos mais próximos, onde alguns deles já estão em meio a energia psíquica nervosa durante suas reflexões. Observando a crescente mobilização estruturada na harmonia e fluidez do próprio cidadão, no dia-a-dia, mudando o mundo por ações como numa equipe esportiva, buscando a melhor colaboração, independente de raça,religião ou política. A mudança é muito mais rápido e relevante para todos os ideais.

Durante o período que estudava sobre a Paz, através da pesquisa de todos os grandes conflitos na história da humanidade desde Atlantis. Eduardo Chaib amigo de curso escolar de 2º Grau, o seu pai tinha participado como militar na Força Expedicionária Brasileira, F.E.B., na campanha da Itália, na Segunda Guerra Mundial.Tinha trazido um capacete nazista que estudei junto com relatos na literatura e nas suas histórias. Verifiquei a precisão de planejamento do equipamento aplicado na ação correspondia uma maior defesa para o soldado. Mas, existiu um relacionamento de aperfeiçoamento na industrialização, os nazistas tinham o orgulho do melhor equipamento em relação aos outros países.

Os Aliados desembarcaram na praia da Normandia, fazia parte da estratégia o uso de estimular situações que obrigavam uma improvisação criativa para a defesa alemã. Fragilizada pelo gasto de energia psíquica na perseguição aos judeus, que para ser eficiente como pretendia que fosse Hitler, era fundamental que os soldados cumprissem rigorosamente a técnica de treinamento ideológico-militar, o que reduzia a capacidade de resposta que dependia de criatividade e improvisação. Os soldados aliados  não tinham tido gasto de energia psíquica na perseguição de todo um povo como fizeram os naziztas. A vitória dos aliados diante do poderio bélico do nazismo além da estratégia militar contou com a capacidade dos soldados aliados, que eram mais livres do que os soldados alemães,  nas respostas que extrapolavam os treinamentos recebidos.

 Analisei as técnicas de guerrilhas urbanas, na selva, desertos, pântanos e montanhas. As táticas de Che Guevara, Mao Tsé Tung, e Fidel Castro na revolução cubana. Ao longo do tempo acompanhei os atos terroristas  da Al Qaeda e estudei as suas técnicas. procurei encontrar nos ideais terroristas elementos para, como na engenharia, um modelo protótipo reduzido para análise de como seria se aplicado no dia-a-dia. No atual mundo globalizado, algumas delas, não seriam possíveis, mesmo dentro do Islã. acontece que na manutençao de seus propósitos exige ações de alto risco, reduzindo o tempo criativo para aperfeiçoar. Porque, o mundo globalizado está numa curva exponencial de produção de conhecimento, informação e experiência na busca de soluções através de idéias criativas.

 Enquanto a Al Qaeda para existir deve lutar diáriamente para ter a melhor ação de se ocultar.  Com riscos decorrentes das pequenas divergências que existe entre os líderes, ser o motivo para uma possível traição.Diminuindo o tempo de assimilação por parte dos sentidos da produção intelectual  que acontece dentro do próprio Islã, pelos não-terroristas. Todos os cidadãos do Islã. Considerados como membros da seleção islâmica de fluidez urbana, em suas próprias cidades, atuam em harmonia com as demais seleções ocidentais, porque, a mobilização de conscientização ultrapassa as fronteiras geo-políticas, as divergências políticas,  e as divergências religiosas. O espírito espiritual prevalece na alma do espaço público.

cultura-cientifica.jpgO Globo, 02/01/2008. http://www.globo.com/

 Supondo invasores extraterrestres com o objetivo de eliminação de toda a humanidade, com certeza Osama Bin Laden se aliaria na luta seria capaz de defender tanto o mulçumano, quanto qualquer outro, uma vez que a sobrevivência dependeria de cada ser humano vivo, de todas as idades para sermos uma rede de defesa do planeta terra contra os supostos invasores extraterrestres.

A arma mais poderosa do planeta terra está na sua rede sensível psíquica nervosa de cada cidadão. Somada transforma se numa poderosa arma. a consciência dos membros da seleção nacional de fluidez urbana propícia uma rápida resposta porque se constituí em uma rede integrada de experiências sensíveis de todas as nações.

O armamento nuclear não é ameaça para a estratégia de invasão extraterrestre. porque os seus efeitos incidem sobre a própria população da terra. Todos os grupos isolados do relacionamento com o mundo globalizado são os mais vulneráveis. A intuição de todo os cidadãos que façam parte do grupo isolado é prejudicada pelos longos anos aplicados no isolamento. 

O exercício diário na preservação da harmonia e fluidez no espaço público aumenta a capacidade intuitiva possibilitando um compartilhamento no aperfeiçoamento da autoperformance individual e coletiva. O tai chi yang no transito, a arte de desenvolver a intuição para os movimentos harmoniosos nos aumenta a capacidade de construir soluções com a participação no espaço público exercitada sem discriminação por causas de ideais políticos religiosos.

O espaço-tempo- urbano é um grande acelerador de consciência  equivalente aos aceleradores de partículas quânticas. A internet, espaço público virtual, somada com a experiência cotidiana no espaço público real onde existe os deslocamentos públicos de toda a diversidade humana se transforma com a conscientização de todos os usuários, em um acelerador de idéias surgidas de um campo de soluções estabelecido pela mobilização da sociedade na preservação da fluidez urbana. A prática do tai chi yang no transito estimula todas as culturas.

Márcio Lacerda

www.TaiChiChuanBrasil.com.br

espalhamento no espaço-tempo-urbano

memórias

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: